2018-10-11

«A Coisa» está à espreita nas livrarias portuguesas

«A Coisa» inclui todos os elementos a que os leitores da obra de Stephen King se habituaram: suspense, medo, dúvida e surpresa

Partilhar:
«O terror, que só terminaria vinte e oito anos depois (se é que terminou), começou, tanto quanto sei ou consigo saber, com um barco feito de uma folha de jornal a flutuar por uma valeta cheia da água da chuva.» Assim começa o clássico do «mestre do terror», Stephen King, que promete uma leitura viciante, desenfreada e emocionante.

O primeiro volume de «A Coisa», que chega amanhã às livrarias portuguesas, acompanha a história de sete adultos que regressam ao lugar onde cresceram para enfrentar um pesadelo que todos eles lá viveram… algo maléfico e sem nome: a Coisa. Considerada uma das obras mais poderosas de Stephen King, «A Coisa» inclui todos os elementos a que os seus leitores se habituaram: suspense, medo, dúvida e surpresa. O conflito constante entre o medo sempre presente, o coração apertado, as entranhas retorcidas, a exaustão e a sensação de realização provam que este é um poderoso livro de terror, mas também um livro sobre a amizade, crescimento, superação e vingança contra o mal.

O segundo volume de «A Coisa» será publicado a 2 de novembro em Portugal.

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.

OK