2020-09-08

Nova edição de «Uma Luz Ao Longe», de Aquilino Ribeiro. Prefácio de Gonçalo M. Tavares.

Edição apoiada pelo Município de Sernancelhe.

Partilhar:

Aquilino é senhor mestre, e o essencial não são as peripécias do enredo – embora nunca dispensáveis –, mas sim o modo como a frase e a mera palavra são colocadas diante do senhor leitor para que este se deixe de distracções e se meta inteiro no livro que lhe exige energia da bruta e da boa.” Do prefácio de Gonçalo M. Tavares

 

Com prefácio do autor Gonçalo M. Tavares, chega às livrarias portuguesas uma nova edição de Uma Luz Ao Longe, de Aquilino Ribeiro, integrada reedição da obra completa pela Bertrand Editora.

 

Romance autobiográfico, que continua a história iniciada em Cinco Réis de Gente e fortemente inspirado nas vivências de Aquilino Ribeiro no Colégio da Lapa, onde a linguagem e os objetos por si usados, bem como as suas consequências, revelam o duelo social existente no país.

 

Amadeu Magalhães, o protagonista, parte ainda criança para a Lapa para fazer a equivalência ao curso do Liceu. Recém-chegado de uma realidade diferente, a distância da família, da aldeia que tão bem conhece, os rigores da Lapa e o regime austero do Colégio levam-no a engendrar uma indiferença, e depois revolta, contra a instituição, e, em alguma medida, algum sentimento antirreligioso. Amadeu acaba por fugir do Colégio e regressar a casa após o exame do Liceu, e é com a partida da família para Lisboa que a luz ao longe titular começa finalmente a brilhar na vida do nosso protagonista.

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.

OK