Chamavam-lhe Grace

avaliação dos leitores (7 comentários)
(7 comentários)
Da autora de A História de Uma Serva
Formatos disponíveis
19,90€ I
15,92€ I
-20%
PORTES
GRÁTIS
COMPRAR
-20%
PORTES
GRÁTIS
19,90€ I
15,92€ I
COMPRAR
I 20% DE DESCONTO IMEDIATO
I Envio até 4 dias
I PORTES GRÁTIS

SINOPSE

Corre o ano de 1843 e Grace Marks foi condenada pelo seu envolvimento no brutal homicídio do dono e da governanta da casa onde trabalha. Há quem julgue Grace inocente; outros dizem que é perversa ou louca. Agora a cumprir prisão perpétua, Grace diz não ter qualquer memória do crime. Um grupo de clérigos e espíritos que lutam para que Grace seja perdoada contrata um especialista em saúde mental, uma área científica em expansão na época. Ele escuta a sua história, fazendo-a recuar até ao dia que ela esqueceu. O que encontrará ele quando tentar libertar as memórias de Grace?
Ver Mais

CRÍTICAS DE IMPRENSA

«Brilhante.»
Hilary Mantel
«Sensual e desconcertante.»
Independent on Sunday

«A extraordinária escritora do nosso tempo.»
Sunday Times

COMENTÁRIOS DOS LEITORES

Magistral
Mara Pereira - Coimbra Rua | 2020-03-01
Será que Grace é inocente ou uma assassina impiedosa? Um livro viciante que não conseguimos parar de ler e que nos deixará sempre na dúvida entre a inocência ou a culpa de Grace Marks.
culpa vs inocência
Florinda Capitão - Livreira Alameda Shop & Spot | 2019-06-19
Descobri Margaret Atwood com "A Mulher Comestível" e "O Assassino Cego", livros que li há uns anos e que continuam a ser os meus preferidos da autora. Este Grace é diferente... um crime, culpa vs inocência, as memórias reprimidas, a hipnose, as memórias do passado... gostei, mas ficou aquém!

DETALHES DO PRODUTO

Chamavam-lhe Grace
ISBN: 9789722536349
Edição/reimpressão: 09-2018
Editor: Bertrand Editora
Código: 000173001664
Idioma: Português
Dimensões: 149 x 233 x 31 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 480
Tipo de Produto: Livro
Margaret Atwood nasceu em Otava em 1939. É a mais celebrada autora canadiana e publicou mais de quarenta livros de ficção, poesia e ensaio. Recebeu diversos prémios literários ao longo da sua carreira, incluindo o Arthur C. Clarke, o Booker Prize, o Governor General’s Award e o Giller Prize, bem como o Prémio para Excelência Literária do Sunday Times (Reino Unido), a Medalha de Honra para Literatura do National Arts Clube (EUA), o título de Chevalier de l’ Ordre des Arts e des Lettres (França) e foi a primeira vencedora do Prémio Literário de Londres. Está traduzida para trinta e cinco línguas. Vive em Toronto.
Ver Mais

QUEM COMPROU TAMBÉM COMPROU

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.

OK