Crueldade a Nu

Crueldade a Nu

Não vale a pena trancar a porta. Ele já está lá dentro.
ISBN: 9789722524360
Edição/reimpressão: 05-2012
Editor: Bertrand Editora
Código: 000173000566
ver detalhes do produto
18,80€ I
-10%
24H
PORTES
GRÁTIS
EM
STOCK
COMPRAR
-10%
PORTES
GRÁTIS
EM
STOCK
18,80€ I
COMPRAR
I 10% DE DESCONTO EM CARTÃO
I Em stock - Envio 24H
I PORTES GRÁTIS

SINOPSE

Carmine Delmonico regressa em mais um thriller de leitura compulsiva. Em 1968, a América é um país em convulsão e o subúrbio de Carew está a ser aterrorizado por uma série de violações sistemáticas. Quando uma vítima arranja finalmente a coragem para falar e se dirige à polícia, o violador passa a matar as vítimas seguintes. Para Carmine, parece ser um caso sem nenhumas pistas. Além de que o departamento de polícia de Holloman está com problemas. Enquanto o assassino traça os seus planos, Carmine e a sua equipa têm de usar todos os recursos ao seu dispor para conseguirem desvendar este caso.
Ver Mais

CRÍTICAS DE IMPRENSA

«Delmonico é uma personagem admirável.»
Publishers Weekly

«O heroi de McCullough tem de usar a inteligência, e não um vasto deque de equipamento científico., para resolver os crimes. O livro é um simpático regresso à base numa era tecnológica, de CSI.»
Booklist

«Na tradição de P.D. James8McCullough é uma extraordinária contadora de histórias.»
The Times

«Convincente, apaixonante, agarra o leitor.»
She

«McCullough produz um crescendo de drama.»
Daily Mail

«Absorvente.»
Sunday Telegraph

«Procura o mais profundo do coração humano num romance de várias camadas, que persegue o leitor.»
Good Book Guide

DETALHES DO PRODUTO

Crueldade a Nu
ISBN: 9789722524360
Edição/reimpressão: 05-2012
Editor: Bertrand Editora
Código: 000173000566
Idioma: Português
Dimensões: 150 x 233 x 24 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 373
Tipo de Produto: Livro
Colleen McCullough nasceu na Austrália em 1937. Começou a sua carreira literária com a publicação de Tim, seguido de Pássaros Feridos, um best-seller internacional que bateu todos os recordes. Ambos foram adaptados ao cinema.
Além dos romances individuais que foi escrevendo, a autora publicou duas séries. O Primeiro Homem de Roma retrata em seis volumes e de forma excepcional a história da Roma Antiga. A série foi elogiada por muitos historiadores e políticos, incluindo Kissinger. Carmine Delmonico» é uma série policial com cinco títulos publicados. A autora morreu em janeiro de 2015, aos 77 anos, na Ilha Norfolk, no Pacífico, onde vivia com o marido.
Ver Mais

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.

OK