O Símbolo Perdido

O Símbolo Perdido

ISBN:9789722522397
Edição/reimpressão:11-2010
Editor:Bertrand Editora
Código:000173000280
ver detalhes do produto
39,95€
-20%
24H
PORTES
GRÁTIS
EM
STOCK
COMPRAR
-20%
PORTES
GRÁTIS
EM
STOCK
39,95€
COMPRAR
I20% DE DESCONTO EM CARTÃO
IEm stock - Envio 24H
IPORTES GRÁTIS

SINOPSE

O novo best-seller de Dan Brown percorre um caminho alucinante por obras de arte, câmaras, túneis e templos ocultos de Washington. Agora, essas imagens fascinantes ganham vida diante dos nossos olhos, fazenda da leitura deste livro uma experiência magnífica.
Ao revelar um mundo de mistérios antigos, sociedades secretas e uma História impressionante, a Edição Especial Ilustrada desvenda toda uma nova dimensão de intriga e fascínio.
Com mais de cem imagens a cores, esta edição é um complemento essencial ao original.
Ver Mais

DETALHES DO PRODUTO

O Símbolo Perdido
ISBN:9789722522397
Edição/reimpressão:11-2010
Editor:Bertrand Editora
Código:000173000280
Idioma:Português
Dimensões:211 x 258 x 30 mm
Encadernação:Capa mole
Páginas:514
Tipo de Produto:Livro
Classificação Temática: Livros em Português > Literatura > Romance

sobre Dan Brown

O escritor norte-americano Dan Brown nasceu em 1965 em New Hampshire, nos Estados Unidos da América, sendo filho de um professor de Matemática e de uma intérprete de música sacra. Brown estudou no liceu local e mais tarde licenciou-se na Universidade de Amherst.
Mudou-se para Los Angeles onde tentou fazer carreira como compositor, pianista e cantor. No entanto, este plano de vida fracassou e Dan Brown acabou por ir estudar história da arte em Sevilha, em Espanha. Entretanto, a meias com a mulher, escreveu o livro 187 Men to Avoid: A Guide for the Romantically Frustrated Woman.
Em 1993 regressou a New Hampshire para se tornar professor de inglês na escola onde tinha estudado. Passados dois anos, os serviços secretos norte-americanos foram à sua escola buscar um aluno que consideravam uma ameaça nacional por ter escrito, na Internet, que era capaz de matar o presidente Bil Clinton. Dan Brown ficou tão interessado no assunto que começou a fazer pesquisas sobre a Agência Nacional de Segurança. Acabou por resultar desse interesse a escrita do seu primeiro romance Digital Fortress, que foi lançado em 1996 com algum sucesso.
Era um romance baseado na violação de privacidade e em conspirações, tendo por sustentação as novas tecnologias.
Quatro anos depois do seu romance de estreia, lançou Angels and Demons, seguindo-se em 2001 Deception Point. Finalmente, em Março de 2003, Dan Brown lançou no mercado norte-americano The Da Vinci Code (O Código Da Vinci), que logo no primeiro dia vendeu mais de seis mil exemplares, tendo-se tornado num dos livros mais vendidos de sempre em todo o mundo, com publicações em 42 línguas.
O Código Da Vinci é um romance policial que tem como protagonista um simbologista norte-americano. Através da obra de Leonardo Da Vinci, onde encontra várias mensagens codificadas, tenta arranjar provas para desvendar um segredo com centenas de anos. No livro surgem instituições como a Opus Dei e o Priorado do Sião.
A obra chegou a Portugal em 2004 e ao fim de poucos meses atingiu as onze edições. O sucesso deste livro levou a que fosse anunciada uma adaptação cinematográfica e uma sequela literária.
Ver Mais

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.

OK