Quando a Noite Cai

Prémio Fémina dos Estudantes
Prémio Libr’à nous
Prémio Stanislas para Melhor Romance de Estreia
ISBN: 9789722541558
Edição/reimpressão: 05-2022
Editor: Bertrand Editora
Código: 000173002150
ver detalhes do produto
15,50€ I
-10%
PORTES
GRÁTIS
EM
STOCK
COMPRAR
-10%
PORTES
GRÁTIS
EM
STOCK
15,50€ I
COMPRAR
I 10% DE DESCONTO EM CARTÃO
I EM STOCK
I PORTES GRÁTIS

SINOPSE

Esta é a história de um pai que perdeu a mulher e que dá o melhor de si para criar os seus dois filhos sozinho. Os anos passam e os rapazes crescem. Fazem as suas escolhas, aquilo que é importante para eles. Os homens em que se vão tornar. Agem como homens e, no entanto, continuam a ser crianças. Esta é uma história de família e de convicções, de escolhas e de sentimentos comprometidos. Um mergulho no coração de três homens. Num mundo que ressoa por vezes de tanto ódio e tanta incompreensão, como abraçar um filho que guarda dentro de si estes sentimentos?
Num primeiro romance deslumbrante, Laurent Petitmangin desfia com infinita sensibilidade e delicadeza a linha dos destinos destes homens em formação.
Ver Mais

CRÍTICAS DE IMPRENSA

«Um primeiro romance assombroso, que nos persegue muito depois de terminada a sua leitura com um nó na garganta.»
Libération

«Um romance que se lê em apneia. Laurent Petitmangin tornou o seu encontro com a literatura um êxito. Quando a Noite Cai aborda temas universais, desde a perda de referências sociais até aos conflitos geracionais.»
L’Express

«Petitmangin domina a arte de dotar as suas personagens – tanto os vencidos quanto os culpados – de um olhar terrivelmente humano.»
Le Point

«Laurent Petitmangin encontra sempre a palavra certa.»
Le Figaro

DETALHES DO PRODUTO

Quando a Noite Cai
ISBN: 9789722541558
Edição/reimpressão: 05-2022
Editor: Bertrand Editora
Código: 000173002150
Idioma: Português
Dimensões: 125 x 198 x 12 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 160
Tipo de Produto: Livro
Classificação Temática: Livros > Livros em Português > Literatura > Romance
Laurent Petitmangin nasceu em 1965, na região da Lorena, no seio de uma família de trabalhadores ferroviários. Passou os primeiros 20 anos da sua vida em Metz, tendo deixado a cidade natal para prosseguir os estudos superiores em Lyon. Seria depois admitido na Air France, empresa para a qual trabalha até hoje. Leitor compulsivo, escreve há mais de uma década. Quando a Noite Cai – «obra de uma sensibilidade e de um primor pouco habituais», Le Monde – é o seu primeiro romance.
Ver Mais

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.

OK