Sobre Isto Ninguém Fala

Haverá vida depois da internet?
Formatos disponíveis
16,60€ I
-10%
PORTES
GRÁTIS
EM
STOCK
COMPRAR
-10%
PORTES
GRÁTIS
EM
STOCK
16,60€ I
COMPRAR
I 10% DE DESCONTO EM CARTÃO
I EM STOCK
I PORTES GRÁTIS

SINOPSE

Com este que é o seu primeiro romance, e que prenuncia uma carreira literária de grande fulgor no género, Patricia Lockwood foi finalista do Booker Prize, do Women’s Prize for Fiction e do Center for Fiction First Nov­el Prize de Nova Iorque nas edições do ano passado, vencendo, em 2022, o Dylan Thomas Prize, um dos mais prestigiantes prémios literários internacionais para jovens autores. Um dos melhores romances da literatura contemporânea - absolu­tamente atual, absolutamente original - Sobre Isto Ninguém Fala é um espelho em que nos vemos e um ponto de interrogação: haverá vida depois da internet?

Vídeos ridículos, memes delirantes, notícias falsas, fact-checking, comentários furiosos, opiniões sensatas, fotografias de gente feliz, atualidade política, gatos. Quando cruzamos a primeira página deste romance, a protagonista ganhou notoriedade devido aos seus posts numa rede social e viaja pelo mundo ao encontro de fãs apaixonados. Espaço virtual como espaço vital, sente-se totalmente absorvida pela nova linguagem e etiqueta daquilo que designa como «o portal» e debate-se com a convicção inabalável de que os seus pensamentos são agora ditados por um coro de vozes infinito.

Contudo, ameaças existenciais começam a ganhar forma - as alterações climáticas, a precariedade económica, a ascensão política de um «ditador» por nomear ou uma epidemia de solidão -, e ela e os seus posts lançam-se num salto cada vez mais fundo no vazio do portal: uma avalancha de imagens e palavras que se acumulam num ecrã pós-sentido, pós-ironia, pós-verdade, pós-seja-o-que-for.

De súbito, duas mensagens da mãe quebram o fluxo: «Tenho más notícias» e «Quão cedo podes vir para cá?» Quando a vida real e as suas exigências colidem com a índole cada vez mais bizarra do portal, esta mulher confronta um mundo que parece conter tanto uma abundância de provas de bondade, de empatia e de justiça, quanto uma torrente de indícios do contrário.

Com a forma curta e fragmentária do discurso online, Sobre Isto Ninguém Fala é ao mesmo tempo uma carta de amor ao scroll interminável e uma profunda e moderna meditação sobre o amor, a linguagem e as relações humanas, por uma nova e excecional voz da literatura americana.
Ver Mais

CRÍTICAS DE IMPRENSA

«Patricia Lockwood escreve-nos um bilhete-postal do futuro. Propôs-se retratar, através da linguagem, não apenas a mente, como fez Joyce, mas aquilo a que chama “a” mente, a consciência coletiva efémera que se fundiu com a da sua protagonista. O conceito do romance é inteligente, a prosa original, imensamente interessante e desassombrada, uma observação poderosa e paradoxal acerca daquilo que as plataformas digitais nos roubam. À medida que a protagonista se afasta do “portal” rumo a um presente mais tangível, também a escrita de Lockwood alcança uma nova profundidade e um foco preciso de pensamento, tornando se radiosa.»
The New Yorker

«Neste que é o seu primeiro romance, a autora destila os prazeres e as privações de uma vida que se desdobra na interação online e na interação em carne e osso, transfigurando esta dissonância em objeto artístico. O resultado é um romance que se lê como prosa poética, ora sublime, ora profano; ora íntimo, ora filosófico, hilariante e, devemos dizê-lo, profundamente comovedor.»
The New York Times

«Lockwood escreve com fulgor e desassombro – a tentação é continuar a citar o seu romance eternamente.»
The New York Review of Books

«Mestre na precisão notável que pretende realçar o absurdo em que nos tornámos demasiado preguiçosos para reparar. Vertiginoso, brilhante na sua forma e absolutamente esmagador. O mundo efémero que construímos online é uma sombra quando comparado com a dor, e o afeto, que somos afortunados por experimentar na vida real.»
The Washington Post

«Uma das mais precisas observadoras do espetáculo que é o discurso digital, Lockwood tece a sua crítica com argúcia e humor. Com passagens evocativas e belas, escreve com nervo acerca da imensidão transitória que é a internet. Um romance que começa por fetichizar a superfície digital da vida contemporânea acaba a descobrir o coração terno que bate debaixo dela.»
The Wall Street Journal

«A exuberância e sensibilidade de Patricia Lockwood são omnívoras, adaptam-se a qualquer temática ou personagem, e o seu produto é um romance feroz e, ao mesmo tempo, delicado.»
Harper’s Magazine

DETALHES DO PRODUTO

Sobre Isto Ninguém Fala
ISBN: 9789722543651
Edição/reimpressão: 09-2022
Editor: Bertrand Editora
Código: 000173002319
Idioma: Português
Dimensões: 149 x 234 x 16 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 224
Tipo de Produto: Livro
Classificação Temática: Livros > Livros em Português > Literatura > Romance
Patricia Lockwood nasceu em Fort Wayne, no Indiana, em 1982, e foi criada em várias cidades do Midwest norte-americano. É autora do livro de memórias Priestdaddy – um relato acerca da educação religiosa bastante peculiar da autora e da identidade individual na maturidade adulta, em contraponto à família e à tradição – e de duas coleções de poesia, Balloon Pop Outlaw Black e Motherland Fatherland Homelandsexuals. Quando os escreve, os seus artigos jornalísticos e ensaios são publicados, entre outros, na New Yorker, no New York Times, na New Republic e na London Review of Books, onde é editora. Com direitos de edição vendidos em mais de 20 territórios, Sobre Isto Ninguém Fala, um dos grandes livros do ano 2021 ao lado de Franzen, Ishiguro, Whitehead ou Doerr, é o seu primeiro romance. Com ele foi finalista do Booker Prize, do Women’s Prize for Fiction e do Center for Fiction First Novel Prize em 2021, e venceu o Dylan Thomas Prize em 2022, um dos mais prestigiantes prémios literários internacionais para jovens autores.
Ver Mais

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.

OK