2020-04-22

Bertrand Editora assinala o Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor com novidades exclusivas

A Casa Alemã, de Annette Hess, e Homo Biologicus, de Pier Vincenzo Piazza, estão disponíveis entre 20 e 26 de abril.

Partilhar:

Para celebrar o Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor, que se assinala a 23 de abril, a Bertrand Editora disponibiliza em exclusivo e durante sete dias, os livros A Casa Alemã, de Annette Hess, e Homo Biologicus, de Pier Vincenzo Piazza. Entre 20 e 26 de abril, aproveite a oportunidade e receba os livros em sua casa.

 

 A Casa Alemã, de Annette Hess, e Homo Biologicus, de Pier Vincenzo Piazza, estão disponíveis nas seguintes lojas:

 

Bertrand.pt

Wook.pt

Fnac.pt

Almedina.net

ABC Livraria (Aveiro)

Livraria Arquivo (Leiria)

Papelaria Continental (Paços de Ferreira)

Papelaria Escada (Cadaval)

Fonte de Letras (Évora)

Fontenova Livraria (Famalicão)

Livraria Lusitana (Mirandela)

Livraria Minho (Braga)

RG Livreiros (Cascais)

Papelaria Veloso (Mondim de Basto)

Theatro (Póvoa de Varzim)

Themas e Phenomenos (Leça da Palmeira)

E em 16 lojas Note! de norte a sul do país.

 

Esta ação está integrada no Tempo para Ler, uma campanha que teve início em março e que pretende celebrar e incentivar a leitura durante esta fase de isolamento social vivida pela população.

 

 

Sobre A Casa Alemã, de Annette Hess:

 

No final da guerra, Frankfurt era uma ruína fumegante, severamente castigada pelos bombardeamentos aliados. Passados vinte anos as antigas ruas esburacadas da cidade deram lugar a novas e arejadas avenidas. As lojas modernas ocupam os espaços outrora atulhados de escombros.
Para Eva Bruhn, de 24 anos, a Segunda Guerra Mundial não passa de uma recordação nublosa da infância. Com o noivo Jürgen Schoorman sonha iniciar uma nova etapa na sua vida. Porém, tudo muda quando, no julgamento dos responsáveis pelo campo de concentração de Auschwitz, um investigador americano, David Miller, a contrata para traduzir as entrevistas das vítimas.

Os pais de Eva, donos do restaurante que dá título ao livro, opõem-se a este trabalho mas a sua curiosidade insaciável leva-a a aceitar o desafio. Enquanto ouve os depoimentos, não pode deixar de pensar na sua família.
Porque é que os pais nunca falam do tempo da guerra?
E porque é que o seu noivo rejeita ser confrontado com o passado?

Uma história apaixonante, baseada em factos reais, pela voz de uma jovem tradutora alemã que, ao ouvir os horrores impensáveis de Auschwitz, se confronta com a história da sua família e do seu país.

 

Sobre Homo Biologicus, de Pier Vincenzo Piazza:

 

Desde o surgimento do Homo sapiens na árvore evolutiva dos grandes primatas e a revolução cognitiva sem paralelo que isso representou há 50 mil anos, a capacidade da nossa espécie entender e modificar o seu ambiente revelou-se ilimitada. Contudo, o mistério da natureza humana permanece insondável. Aquilo que realmente somos e o que nos move desafia a racionalidade.

Durante séculos, cientistas, filósofos e líderes espirituais questionaram-se sobre o nosso «como» e o nosso «porquê». Este livro tem, por fim, as respostas: porque é que desejamos a liberdade, mas precisamos de ordem, porque é que somos a espécie mais fútil, apesar de nos considerarmos superiores a todas as outras, e porque é que continuamos reféns de ideologias contraditórias - democracia ou totalitarismo, excesso ou frugalidade, espiritualidade ou materialismo… Do extremismo ideológico à crise energética, este livro explica-nos por fim porque fazemos o que fazemos, porque somos como somos.

Piazza é um intrépido explorador da evolução e da biologia, oferecendo-nos uma leitura totalmente nova do ser humano, das suas motivações e dos seus excessos. Só ligando os pontos, como o autor faz neste livro, é possível ver a nossa história como um todo, com as implicações revolucionárias que isso nos traz. Uma mudança de paradigma que pode abrir novas portas à nossa evolução.

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.

OK