2023-03-10

Quando a Via Láctea nos faz o relato da sua vida

Fascinante autobiografia conta a história e o futuro do universo de forma acessível, mas científica.

Partilhar:

Depois de alguns milhares de milhões de anos a testemunhar a vida na Terra, assistindo a cem mil milhões de seres humanos nas suas vidas quotidianas, sentindo-se incrivelmente solitária e ouvindo a sua história contada por outros, a Via Láctea gostaria de ter a oportunidade de falar por si – todos os seus cem mil milhões de estrelas e cinquenta sextiliões de toneladas de gás.

 

É assim que surge o livro Via Láctea – Uma autobiografia da nossa galáxia, de Moiya McTier. É a astrofísica, etnóloga e comunicadora de ciência quem dá voz à Via Láctea através de uma autobiografia acessível e fascinante da nossa galáxia, mostrando em detalhe o que os seres humanos descobriram desde a sua formação até à sua morte futura, e o que mais há para aprender sobre esta galáxia a que chamamos casa.

 

«Tudo começou há cerca de treze mil milhões de anos, quando as nuvens de gás que se espalhavam pelo plasma primordial do universo não conseguiam manter as suas mãos metafóricas longe umas das outras. Sucumbiram à sua atração gravitacional, e daí nasceu a galáxia que conhecemos como Via Láctea. Desde então, a galáxia viu a energia escura afastar os seus primeiros amigos, enquanto os seres humanos mitificavam o seu nome e os arqueólogos galácticos trabalhavam para determinar a sua verdadeira idade (que falta de educação!). A Via Láctea absorveu buracos negros supermaciços, fez inimigos entre alguns dos seus vizinhos galácticos e lamentou a morte de inúmeras estrelas. Depois de tudo isso, a Via Láctea finalmente sentiu que acumulou experiência suficiente para nos fazer o relato da sua vida.»

 

Nas livrarias a 16 de março.